O dia em que deixei minha namorada ser bolinada - PARTE 2



Olá! Como já havia relatado em outro conto, tenho uma namorada safadinha e muito gostosa e desde que conheci ela tive muita fantasia em ver ela me fazendo de corno.
Pra quem não leu meu primeiro conto, sugiro que acompanhe aqui neste site, pois nele eu relato a primeira vez que eu pude me deliciar vendo ela sendo bolinada por outro homem e a primeira vez que vi minha putinha com outra rola na boca. Foi empolgante e muito delicioso ver minha gatinha safada toda putinha na mão de outro, mesmo que não havendo penetração, foi uma delicia ver ela sendo bem apalpada e engolindo rola na minha frente.

Neste conto vou falar sobre a segunda vez que pude ver ela sendo abusada por outro macho; Isso aconteceu em meados de 2012. Era verão e havíamos ido a praia pegar um sol e claro, fui também para exibir minha putinha gostosa pros machos pirarem nela.
Ela estava com um biquini preto e minusculo, com seus fartos seios quase que saindo pra fora da redinha do sutiã do biquini. Na parte de baixo, era quse fio dental de tão pequeno o que deixava sua bunda empinada ainda mais deliciosa de se ver. Eu quase não conseguia parar em pé de tão duro que meu pau ficou quando ela tirou o vestidinho solto que ela usava por cima do biquine, assim que chegamos na beira da praia.
Haviam uns caras ao redor e claro, todos cairam comendo ela com os olhos. Ela realmente é um tesão, além de ser linda de rosto! Um espetáculo de putinha!
Lembro que passei bronzeador em sua bundinha e os caras nem disfarçavam para olhar. Só faltavam tirar a rola pra fora e tocar punheta ali mesmo kkkk

Ficamos um bom tempo na praia, tomamos banho de sol, bebemos algumas cervejas e decidimos voltar para casa lá pelas 18 horas.
Estávamos sem carro nesta época e por isso fomos e voltamos de ônibus. Na ida estava tranquilo o movimento, fomos sentados e bem relaxados, mas na volta o ônibus estava lotado, pois era final de tarde e a galera toda da praia estava voltando para a cidade. Nem preciso dizer que voltamos em pé no corredor do ônibus pois todos os assentos estavam ocupados. Então, ficamos ali em pé, um ao lado do outro, quase que esmagados, pois de tão lotado o ônibus, haviam 3 fileiras de pessoas em pé, umas atrás das outras.

Logicamente que não demorou muito para o primeiro encoxador safado se apróximar da minha bela e tesuda putinha e vagarosamente ir se colocando estratégicamente atrás dela. Eu como bom corninho que sou, rsrss, adorei a ideia e deixei ele chegar até ela fazendo de conta que não estava percebendo nada da intenção do safado.
Ele era negro, aproximadamente 1 metro e 75cm. Estava de short de surfista e regata. Ela como eu disse, estava de vestidinho soltinho e curtinho e por baixo um micro biquini de deixar qualquer um louco de tesão.
Alguns segundos se passaram e o safado enfim ficou totalmente atrás dela, nem ligando que eu estava ali. Eu estava de mãos com ela e ela ao perceber o safado ali, logo deu uma risada discreta e balançou a cabeça, piscando pra mim. Logo fui e beijei a boca dela, com tanto tesão que meu pau quase saia pra fora da bermuda.

Passaram-se alguns minutos com o safado ali atrás dela e eu pudia ver que ele estava cada vez mais amassando a bundinha dela contra a rola dele e notavelmente se via sua rola enorme e dura entre as nadegas empinadas da minha gatinha. Eu delirava e tudo que queria naquele momento era tirar minha rola pra fora e tocar uma boa punheta olhando aquela situação deliciosa.
Foi quando tive a ideia de por minha mochila próxima de minha cintura e por uma de minhas mãos dentro do bolso de minha bermuda. Assim eu alisava minha rola por baixo enquanto via o negão safado sarrando minha namorada gostosa.

Eu por várias vezes ia e beijava ela, até mesmo para inibir qualquer tentativa do safado em tentar dar em cima dela, pois apesar de gostar de ser corninho, nesta época eu ainda era um pouco ciumento e não queria ninguém dando em cima dela ali. Só queria ver ela sendo abusada discretamente por aquele safado.

E o tempo passando, o ônibus enchendo ainda mais e o safado cada vez mais fundo encoxando minha gostosa. Só que de certa forma ele acabou descontrolando-se pois ela é muito gostosa e aquele vestidinho curto e soltinho tava deixando a bunda empinada dela toda liberada pra ele roçar a rola dura dele e o safado já nem disfarçava mais, esfraga prum lado e pro outro, pra cima e pra baixo e enfiava como se estivesse fodendo ela bem gostoso. Podia-se ver no semblante dele o puro prazer e aquele rosto de quem tá quase gozando de tanto tesão. A rola do negão tava enorme, volta e meia eu via ela quase que saindo da bermuda e subindo entre a bunda de minha namorada. Eu enloquecia de tesão!

Ao nosso lado havia um homem mais velho, uns 60 anos. Olhava e percebia a safadeza rolando ali e começava já a se aproximar da minha gostosa, ficando de frente pro lado esquerdo dela e deixando a rola dele encostar também na minha safada. Estava montada a putaria no ônibus e com minha gostosa de prato principal e eu degustando com os olhos aquela cena maravilhosa de minha putinha gostosa sendo muito bem abusada por 2 safados,

Cheguei mais pra perto dela e abracei ela pela cintura, primeiro puxando ela pra mim e beijando ela e depois discretamente empurrando ela pra trás pro negão sarrar ela e pro lado pro tiozinho ser feliz kkk. Ela me beijava com sede e tesão e nitidamente estava muito afim e tesuda com a situação, o que de fato me deixava ainda mais louco!

O ônibus entrou em um tunel, e ficou bem escuro dentro´. Foi daí que senti o vestidinho dela levantar e quando olhei para trás dela, vi a rola preta do negrão toda de fora roçando a bundinha por baixo do vestido. Eu gentilmente desci minha mão pela cintura dela e segurei o vestidinho para que ele tivesse ainda mais liberdade para encoxar minha tesuda e ela bem safada empinava ainda mais a rola dele.

Eu não sabia oq rolava lá em baixo, mas via minha gata começar a gemer e morder os lábios e o safado fechando os olhos de tesão cada vez mais empurrava sua rola pra bunda dela. O velho safado do lado estava segurando a sua própria rola e deixando a mão dele entre as coxas de minha gata, subindo lentamente até sua xoxotinha, Fui com minha mão por baixo do vestido dela para ver o que estava acontecendo por lá, rsrss, foi quando senti a rola do negrão roçando a xoxota de minha namorada e mão do velho arredando a calcinha dela pro lado.

Em poucos segundos minha puta seria fodida ali mesmo e ver isso me deixou muito tesudo mas com muito medo da situação ir além, foi quando puxei ela pra mim e retirei ela dali, fui levando ela em direção a porta de saída do ônibus até descermos. Na saída ela me confessou que o negro ainda agarrou sua bunda por baixo da saía e que durante o tempo que estava lá, esfregou a cabecinha da rola dele na portinha da xoxota dela e que se eu não tivesse puxado e tirado ela dali, naturalmente ela deixaria ele enfiar a rola dele.

Fiquei apavorado com o que ouvi mas com um tesão absurdo por perceber que minha puta queria ir além e permitir que outro macho comesse ela, ali mesmo, naquela situação pública e arriscada!

Fomos para casa e logicamente comi ela feito um animal durante a noite toda, até de manhã! Neste dia ela me confessou que queria um negro roludo que nem o safado do ônibus e que seu eu permitisse ela daria muito gostoso para ele. Eu como tinha muito medo e ciumes, freava a possibilidade e me segurava para não colocar em prática, mas sempre alimentando cada vez mais a minha fantasia de ser corno e brincando com isto!


Este é meu segundo conto sobre minha namorada putinha. Em breve contarei outros mais!


A quem quiser me conhecer e trocar experiências, envie-me email

Até a próxima!

Foto 1 do Conto erotico: O dia em que deixei minha namorada ser bolinada - PARTE 2


Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Comentários


foto perfil usuario mytyoyamada

mytyoyamada Comentou em 17/08/2019

Muito bom cinto, espero uma continuação, no aguardo!!!

foto perfil usuario mytyoyamada

mytyoyamada Comentou em 17/08/2019

Muito bom cinto, espero uma continuação, no aguardo!!!

foto perfil usuario cristianogomes

cristianogomes Comentou em 14/08/2019

Maravilhosa sua namorada

foto perfil usuario voyspmen

voyspmen Comentou em 14/08/2019

Q situação deliciosa, eu enfiava nela, com certeza, abraços

foto perfil usuario moubarato

moubarato Comentou em 13/08/2019

muito bons os contos e uma delícia a sua namorada safada... vida imensa de amor e paz...abração pra vc Rogério... e doutro planeta na sua putinha linda inteirinha...mou < : )

foto perfil usuario fabianosafadao

fabianosafadao Comentou em 13/08/2019

Conto maravilhoso

foto perfil usuario flamengo21

flamengo21 Comentou em 13/08/2019

que gostosa, tesão, que corno feliz seria trazendo ela p sentar na minha rola bem gostoso enquanto fica assistindo. votado.




Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


114895 - O dia que deixei minha namorada ser bulinada - Categoria: Traição/Corno - Votos: 48
142497 - Eu e minha prima deliciosa - Categoria: Fetiches - Votos: 5
142505 - Avaliação física na aluninha casada e safada - Categoria: Fetiches - Votos: 2
142905 - Eu e minha prima deliciosa parte 2 - Categoria: Fetiches - Votos: 3
142926 - Eu e minha prima deliciosa. PARTE 3 - Categoria: Fetiches - Votos: 3

Ficha do conto

Foto Perfil rogerioenamorada
rogerioenamorada

Nome do conto:
O dia em que deixei minha namorada ser bolinada - PARTE 2

Codigo do conto:
142827

Categoria:
Traição/Corno

Data da Publicação:
12/08/2019

Quant.de Votos:
24

Quant.de Fotos:
1


Online porn video at mobile phone


contoeroticoburrosexo enqudrinho aventura liaEu tava fundendo minha esposa no meu quarto minha sogra viuva ela entrou nua no nosso quarto ela disse meu genro fode eu e minha filha nois duas juntas conto eroticoxvideo impinotisa a familia depois comíconto minha enteada de dez anos sentou no meu pau sem calcinhaxxxx mae e filho hqhistoria em quadrinho que movimento para uma boa masturbaçaocontos eroticos yago safadinhos contos parecidosConto erótico Dançando puxou meu cabelo pra trásmauricinho gay nu fardadoperdi as preguinhas do cu quando era pequenafudida por garoto pausudo inimigo do meu filho. conto eroticocontos menage masculinofazendo meu primo gay virar homemQuadrinho erotico y3dcontos de ensesto de novinhas evangelicascontos obrigei minha.esposa a fuder.com meus amigosNa pica do meu pai agora sou mulher dele amo dar a xana pra ele fotos nuas da mia xanaminha mãe irmã vovó conto eróticocontoeroticolesbicasXvideo do simpsoncontos eroticos incesto brincando de casinhaconto loirinha com tesaõ no cu emplora para ser emrrabada pelo paipau grande conto eróticoesposadopada.contoseduzi meu sobrinho conto eroticocontos eroticos arrombei o cu da mulher do meu irmao k ela chorouquadrinhos porno vovo voieurnegão do pau enorme invade a casa da vizinha e comi ela na torainversao deposito de porra contos eroticosconto real boquete inesperadocontos eroticos entre irmao e irma especias com fotos do incestoseios bonitos peladosquadrinho lua de mel do cornoconto erotico gay menino solitario da o cutia e sobrinha acariciando-se, beijam-se, mamam seiosPokemons transando em quadrinhosxana piluda cazeirazoofilia com pimtiersobrinha casada conto eroticoblogs de contos eroticos de inquilinas casadas pagando aluguelcontos veridico garotinho mega dotado comeu a vizinha casada escondido do maridocontoeroticocaseiroconto erotico eu fui passa minhas feria no sitio com minha maicontos eroticos mamei o negao e falando com o namoradoContos eroticos mulher gozando no telefoneFotos de comi casada evangélicao dog picudo arrombou a coroa conto ilustradopassando a mao no decote e chupando os peitosxvideos novino sarado de sunga no pescinacontos eroticos pos balada gaycontos com cinco ano dei bucetacomi a xota dela/contoavozoofiliacontos erooticos meu cachorro lambendocontos eroticos vovozinhosporno dos irmaos qui fode infelismentcontos eroticos comendo gostosoConto erótico traveco japonesa conto erotico vadia funkcontos eroticos relacionados com taxistas bem dotados e ninfetasContos erpticos menininha de ruaconto erotico gay pai também não resistiu ao filho safadinhomulheresse.masturbando.locmente.ate.gozaremcontos eroticos assadura da netinhasou casada negão gostoso corno sabiaconto flagracontos estrupanda a maequadrinhos eróticos caique e o pedreirocontos eroticos reais adoro rasga meu cucorno plug submisso conto