Macho puto de Macho Parte 3



Parte 03

Apesar de ansioso para encontrar com o Pedro como havíamos combinado, foi impossível encontra-lo a tarde. O escritório m absorveu a tarde toda e durante o almoço com a esposa marcamos um jantar a noite, eu a acompanharia a um evento, passaria a noite com ela para pormos em dia assuntos nossos e obviamente cumprir as obrigações de marido, fude-la e assim irmos mantendo nosso casamento que apesar de afetuoso era claro que éramos mais bons amigos e bons cumpridores de nossas obrigações sociais que a sociedade a qual pertencemos e os negócios de família que nossos nomes tradicionais tornavam mais sólidos.
Acordei as 5 da manhã, fui treinar com o Cidão e organizar minha agenda de modo a dar-me liberdade até a terça feira da semana seguinte. Controlaria os negócios via net. As 08 escolhi um off-road na garagem, minha intenção era passar esses 3 dias no haras servindo ao meu Macho. Lá tenho uma casa tipo bangalô, afastada da sede, estava em meio a um bosque e possuí confortos como piscina, sauna e uma bela suíte equipada com vários acessórios e brinquedos sexuais. Enfim, casinha de fazer Macho feliz. Poucos foram escolhidos a partilhar esse antro de putaria. Para tanto tinha que ser O MACHO, ou uma realização de fantasia que valesse. Lembrando que conto também com um discretíssimo sistema de segurança para minha proteção. Sabe-se lá?
Avisei ao Pedro minha chegada e foi recebido com pau duro. Antes que eu dissesse a primeira frase já estava apertado atrás da porta com as calças arriadas e com vara no rabo. Vara recebida com apenas uma cuspida no cu arreganhado por mãos fortes. Tomei rola com a mão apertando minha boca a sufocar os urros de dor logo trocada por tesão em ser tratado como Vadio de Macho que me confirmava mais uma vez saber exatamente como realizar minhas mais baixas fantasias e me fazer gozar incontáveis vezes a cada vez que ele queria me ver gemendo de prazer no seu poderoso pau que sem risco de mentir vi poucas vezes em repouso. O Pedro com certeza é ninfomaníaco, bastava eu olhar seu volume, mostrar admiração em ver um centímetro de seu corpo criado pelo mais pervertido dos deuses ou ele ver-me com o rabo dentro de uma calça de terno, bem como qualquer atitude ou parte de meu corpo que evidenciasse minha masculinidade, em segundos eu ouvia uma ordem de mamar ou mostrar-lhe o cu. Lembro-me de num passeio no Shopping, resolvi experimentar umas cuecas e imediatamente fui mandado a vestir a roupa e acompanha-lo ao estacionamento e lá ser comido com o peito deitado no capô de um carro que estava estacionado num canto mais escuro. Já tratei de negócios e falei com a esposa enquanto era arregaçado sem pena. Em outra oportunidade tomei leite no banco de trás de um taxi ao inocente aceitar o convite de um passeio até a sorveteria do bairro. Sem explicações ele escolheu um taxista num ponto próximo, explicar-me por que conversou rapidamente com o cara em separado de mim. No trajeto ele mostrou-me o pau duro, mandou que o engolisse, chamou a atenção do motorista mostrando como seu puto é bom em ordenhar rola. Paramos num drive in relento e lá mandou que sentado em seu pau chupasse o cara até ter o rosto todo esporrado. De presente gozei com ele me chupando e tendo dois dedos do taxista no cu enquanto implorava ao Pedro que deixasse ele me comer. Tinha meu tesão redobrado ao ouvir o Pedro com voz imperiosa respondendo que aquele cu hoje só receberia vara do dono. O tesão do motorista foi tanto que vi aquele macho do povo descontrolado perder todas suas barreiras e me fazer gozar a segunda vez com ele mesmo engolindo meu pau e sofrendo até as lagrimas para aguentar as metidas do Pedro que o montou como a uma égua e socava sem piedade o rabo virgem e peludo, e sofreu tanto que tivemos que pegar outro taxi, pois o ex-machão não aguentava sentar e mesmo assim pediu o telefone do Pedro para tomar outra varada algum dia. Deliciei-me ouvindo-o responder que sou o passivo dele mas em compensação sua pica era minha.
Pois bem amigos, isso é só uma pequena parte das ousadias desse puto aqui. Com o Pedro quando não era eu com minhas loucuras ele era sempre um poço de ideias, aliás ainda é. Fomos casadinhos 8 meses, mas minha vida toda servirei seus desejos. Nada me alucina tanto quanto de surpresa recebo uma ligação sua convocando-me a servi-lo e servi-me dele. Já encarei 9 horas de voo até NY, cidade onde atualmente mora, depois de um sms em que dizia ter acordado de pau duro e ter passado o dia assim querendo me fuder. Fiquei 3 dias lá, fui enrabado até debaixo de uma ponte no Central Park tendo como testemunha um homeless se masturbando nos assistindo. O safado é exibicionista, descobri essa tara também em mim. Piro com o tesão dos caras vendo-me ser enrabado por um cacetão daqueles, ouvindo-os admirados em ver-me tão másculo e sendo tão servil. Postarei com mais detalhes, estas e outras, caso vcs ainda tenham interesse no vadio aqui.
Apesar de ter ido com meu próprio carro, Pedro resolveu ir no dele. Rustico demais pra meu gosto metido a besta, mas, quando com ele, aceito e faço questão de seguir suas vontades. Nada me agrada mais que mima-lo, presenteá-lo. Boa parte disso pelo carinho e dedicação a mim que sempre foi claro em suas atitudes. Demorei semanas a perceber que mais que o que eu proporcionava a ele, o que mais ele queria de mim era a amizade, afeto, sentir-se amado além de amar minha entrega física a ele. Conseguiu pois além do imenso tesão o Pedro é na verdade o único homem que sinto algo próximo ao amor, um amor fraterno e bom de sentir. Sentimento baseado na admiração de sabe-lo não só macho mas Homem em todo o sentido da palavra, homem no caráter e na honradez. Ele foi e é o tradutor da complexidade de minha postura, ser homem macho na postura social, no poder que minha situação financeira propicia, na mentalidade e instintos masculinos e em contra partida oposto a tudo isso amar servir sexualmente a outro homem. Ri-se quando tomando no cu peço-lhe que não tenha pena pois ele está metendo em cu de macho. Pensando profundamente talvez não seja verdade a minha bissexualidade, como buceta e com vontade, porem em verdade faço como truque social, amo a esposa como irmã, trepo com ela e com eventuais amantes pois esses atos fazem parte de minha face exposta. Tesão mesmo e com mínimos limites, tenho por macho e pica. Beirando a linha compulsiva de um viciado, por um bom macho e seu pau faço loucuras, torro dinheiro e corro riscos que por nada mais me sujeito.
Paremos de fazer análise de minhas doideiras e contar a porra da foda, rrrs
...... no caminho muito papo, boas risadas, confidencias, pau na mão, na boca, no cu. Dei ao Pedro a melhor chupado de cu macho que já fiz num cara, fiz isso num banheiro sujo de posto de estrada. Fomos flagrado pelo bombeiro, um sujeitinho magro de 18 anos completados ontem como jurou ele. Com a desculpa de provar que entre nós o macho era o Pedro, cai de boca na rola mostrando que o viado era eu, e para deixar mais claro ainda pedi ao Pedro me deixasse pagar um boquete no leke e de quebra deixa-lo relar o pau grande e fino no meu rabo. Fiz para exibir minha alma de homem-vagabunda, pois tesão em pau fino nem rola. Pau bom é pau grosso, arrombador, ou mesmo os normais se bem usados. O qe dá tesão em cu é mais o calibre que o tamanho. Tamanho é em boa parte tesão visual, se as 2 características estiverem juntas, ai é reverenciar como se deve. Rsrsr Santo Deus como deixo a puta solta aqui com vcs, kkkkk Pelo que me lembro agir putanamente sempre me foi natural, mas falar tão abertamente sem freios sei que foram muito poucas vezes.
Chegamos no haras, conhece-lo deixou o Pedro encantado, pois adora o campo. Apresentei-lhe o administrador, pedi-lhe que me fizesse contar-lhe a história dele mais tarde. A Cabana encantou-lhe. Imediato após conhece-la, vestiu o short que me pira. Short velho tipo pijama, soltão que quando o macho sentava e abria as pernas liberava o sacão que me faz babar, libertava o mastro que mesmo mole escapava pelas laterais. Se alguma vez vi essas cenas e não ajoelhei ou fiquei de 4 para mamar e exigir o mingau de pica que me alimenta, eu não lembro. Nada nunca foi urgente o bastante que me impedisse de agarrar aquele cacete quando o via nessa situação. Em outras também, kkkk Ele de sungão já me fe implorar que me servisse detrás de uma arvore, num matinho, ou onde fosse. Vejo a cobra quase chegando a lateral do corpo, o volume imoral do pau e do saco marcado na sunga e perco o juízo, começo a salivar. Não só eu. Mulheres e admiradores o veem passar e nunca vi um que não ficasse incrédulo com o pacote no meio das pernas dele, chega a tirar atenção de seu belo corpo rosto lhe abre inúmeras portas e levou-lhe a ganhar capas de revista quando modelava.
Sentava na varanda e me veem essa tormenta vestido no tal shorts. Pedi pica e ele na pirraça respondeu que me queria só olhando-o enquanto lhe contava a tal história do gostosão do administrador. Se a história interessasse ele me daria rola como eu quisesse, mas que leite eu só teria a noite pois ele queria acumular o bastante para que na manhã seguinte eu estivesse banhado em porra, sua intenção era que até a noite do dia seguinte passasse o período cheirando a seu leite, grudando de gala, iria receber na manhã seguinte um amigo com 22 cm de pau e eu seria puta dos dois, até o meio dia, hora em que seriamos de novo só nós 2. O amigo roludo vinha só para conhecer o putinho dele. Relaxou-me quanto a discrição do sujeito e sobre a aparência dele, dizendo ser o meu tipo, bonitão, novo, fortão, rola de responsa, metedor putão e leitador, e bom mamador também, cara versátil, escolhido pelos quesitos citados e por sua vontade em ver-me comendo um macho e nos 2 comermos o cara. Eram amigos de infância, e ele mesmo pagou-lhe a passagem só para a ocasião. Entendem como o Pedro é poço de perversão? Rsrsrs


Amanhã conto do administrador e desse tal amigo dele, té mais galera ....


Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.





Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


37816 - Macho Puto de Macho - Categoria: Gays - Votos: 16
37988 - macho Puto de Macho parte 2 - Categoria: Gays - Votos: 10
38083 - Macho puto de Macho Parte 4 - Categoria: Gays - Votos: 9
38153 - Macho puto de Macho Parte 5 - Categoria: Gays - Votos: 6
38180 - Macho puto de Macho Parte 6 - Categoria: Gays - Votos: 5
38252 - Macho puto de Macho Parte 7 - Categoria: Gays - Votos: 4
38253 - Macho puto de Macho Parte 8 - Categoria: Gays - Votos: 4
38291 - Macho puto de Macho Parte 9 - Categoria: Gays - Votos: 7
38583 - Macho puto de Macho Parte 10 - Categoria: Gays - Votos: 2
38618 - Macho puto de Macho Parte 11 - Categoria: Gays - Votos: 4
38667 - Macho puto de Macho Parte 12 - Categoria: Gays - Votos: 4
38779 - Macho puto de Macho Parte 13 - Categoria: Gays - Votos: 3
38870 - Macho puto de Macho Parte 14 - Categoria: Gays - Votos: 3
39983 - Macho puto de Macho Parte 15 - Categoria: Gays - Votos: 4
41691 - Macho puto de Macho Parte 16 - Categoria: Gays - Votos: 5

Ficha do conto

Foto Perfil macho puta
machoputa

Nome do conto:
Macho puto de Macho Parte 3

Codigo do conto:
38050

Categoria:
Gays

Data da Publicação:
08/11/2013

Quant.de Votos:
4

Quant.de Fotos:
0


Online porn video at mobile phone


Conto de sexo explicito com peãoconto incesto no busãoconto de tranza com a comadretia putacontocontos eroticos conversa minha esposa putacontos de rasgando o cu da irmã com a pica de jumentovangogrostov ela fpi fodida por doisultimos contos sadoXXvídeos tirou a calcinha dela de lado e fodeu sua bucetinha apertadinhaConto erotico obedecendo vovôcontos lesbicos no banheiro da boate glsporno mae e filha hq paicontos tranzei com a minha madrinhaqero ver Novinhas transando cor caxorroconto erótico comendo a estudante gostosafogosas do dwollandContos eroticos para virar shemaleentiadacontoeroticoContos eroticos mas docescoroa hostosa contos eroticoscinquentão pauzudo quer sexocomi o cuzinho da puta da minha irmapau grande conto eroticoconto erotico tripla penetraçaocontos eroticos a parada na blitzconto erótico sogrocontos de mototaxista e gaycontos eroticos quadradinho negrosarronbaram o meu rabo aforca, canto heroticocontos eróticos vovó comendo o cu da netinhamarvel porno em quadrinhosfogosatoda contosquadrinhos porno de freiras fudendo Contos erótico viciado em chupar bucetaporno contos limpando quintal por comidaConto erotico minhas irmas llllconto erotico de torneio de sinucaconto esposa puteirocontoerotico padrasto estouranda cu virgemconto erotico 24/7conto erotico minha esposa me trocou pelo amantecontos eroticos podolatria chupando pes de casada debaixo da mesacontos gay novinho bebadoidosastesaocontos eroticos com cenas de sobrinho com a tiavovo gay goza cu dr gazEu minha irmã e minha sobrinha Robertacontos de encoxada de kellFilinha putinha dando a bucetinha pro paisinho contos eroticos com fotos e quadrinhos animadosconto gay felipe chupou meu culer canto erotico de mulher coroa que teve tesao e desejo pela amigabieljr menageconto erotico detonou a namorada do amigobalconista lambeu minha xotagorotinho tetudo contos eróticosconto erotico fui a praia com meu marido e um desconhecido me fudeu ele era bem dotadoporno. em hqconto erotico leitinho do papaicontos eróticos 2019 ônibus ela nao aguento mais pus tudo conto pornoContos eroticos comprando uma garotinhacontos eroticos comi a casada carenteconto erotico enrabei o flanelinhaEscravas BDSM pondo.hemorroidas pra.foraConto erotico de meninaa cunhada d********* para o cunhado foto em quadrinhoscontos de filhos e mães pelados na praia de nudismoconto erotico mae cuidando filhoconto erotico dei o cu pro meu filhosantinha quadrinhos conto pornovizinhasvirgensdoirmaodotadogayconto erotico buceta azeda da irmalimpa minha buceta seu corno contoúltimos contos de incestocontos eroticos gay masculino menino com cowboycontos eroticos entre mae e filhoscontos eroticos madura levei piça do garoto preto meu vizinhocontos eroticos encanador brcontos vovosinha tomando adorei neto safadoconto erótico dei a buceta.p o negão segurançaConto erotico primaconto de farmaceutico pornocontos eróticos marido tentou ser espertojamal i mamae gostosa quadrinhoconto porno meu marido e eu minha filha e o mendigo