A melhor encoxada da minha vida.



Em razão de estar com meu carro na oficina passando por uma revisão completa, tive que continuar minhas atividades profissionais temporariamente utilizando meios de transporte público.

E foi em uma dessas ocasiões que eu entrei em um ônibus no ponto inicial com destino a um bairro do outro lado da cidade que ficava quase no ponto final desta linha, me preparei para uma viagem de mais ou menos uma hora e trinta minutos devido ao engarrafamento costumeiro para aquele horário.

Dirigi-me no fundo do ônibus, local onde havia um pouco mais de espaço pra eu colocar minha maleta no chão, colocar as costas na parede do fundo do ônibus e não incomodar a ninguém.

Na medida em que o ônibus foi enchendo, foi se achegando para perto de mim uma mulher linda, vestido estampado de tecido floral bem leve e curto, sapato de salto que fazia o seu corpo ficar levemente mais projetado, cabelos castanhos com mexas aloirados e extremamente perfumada, em sua companhia um homem igualmente bem vestido sobre o qual deduzi ser seu marido, pois ambos estavam usando aliança de ouro.

A princípio a mulher estava a mais ou menos um metro de mim e essa distância foi diminuindo com a entrada de outros passageiros no coletivo. O ônibus ainda estava parado e a moça estava totalmente virada de frente para mim. A impressão que tive era que o marido dela estava muito ligado em tudo a sua volta, então, resolvi olhar lá pra fora fixamente para evitar maiores problemas.

O ônibus saiu do ponto e iniciou a longa viagem, como a essa altura já estava bem cheio, a mulher já que a princípio estava a uma distância média de mim, agora já estava a menos de um palmo. De repente começou a se movimentar abrindo os vidros para melhorar a circulação do ar dentro do coletivo, quando parou de se mexer, ela passou a ficar de lado pra mim, e a viagem seguiu assim.

Com os movimentos corporais que o ônibus impõe a todos que estão dentro dele, a moça acabou esbarrando com o quadril em cima do meu cacete e eu fiquei gelado a princípio porque o seu marido poderia ter visto e como já disse, estava evitando confusão, afinal meu objetivo principal era seguir para a residência de mais um cliente instalar minha antena e ganhar meu dia.

Os movimentos se intercalavam em movimentos leves e outros mais bruscos e outras vezes o quadril da mulher esbarrava no meu cacete e eu não conseguindo mais evitar, relaxei e tive uma das mais gostosas ereções de toda a minha vida, uma sensação de tocar em algo proibido, principalmente porque era uma mulher linda, bem cuidada e sexy me deixava muito excitado e meu coração respondeu acelerando horrores.

Algo estava acontecendo e eu tentava curtir e entender ao mesmo tempo, os toques do quadril da mulher na minha piroca cada hora demorava mais pra desgrudar e algumas roçadas laterais eu comecei a perceber também.

Em dado momento, a mulher pegou em sua bolsa um celular e iniciou uma conversa com sua sogra e foi envolvendo seu marido na conversa, para minha total surpresa como o assunto era muito animado e eles davam muitas gargalhadas, falavam sobre churrasco que iria acontecer no dia seguinte (sábado) ela acabou ficando totalmente de costas pra mim, mais uma vez voltei meus olhares para o corpo dela aproveitando que estava distraídos e admirei aquele delicioso corpo, e olha, que bunda maravilhosa, empinadinha, grande e parecia pedir uma encoxada caprichada. Fiquei na mesma posição e pensei, se ela está fazendo isso de propósito como estou desconfiado, ela mesma vai tomar a iniciativa.

Percebi que a mulher que era muito esperta, criou aquela ligação para tirar o foco da atenção de seu marido daquela viagem de ônibus e o levou a pensar projetando os prazeres de um churrasco, família, cerveja, música e daí ela poderia ficar a vontade comigo.

Não deu outra, enquanto ele falava com sua mãe no telefone, ela novamente aproveitando o balanço do ônibus, começou a procurar meu cacete com sua bunda, eu me encolhi pra dificultar o toque pra ver se ela iria insistir e ela foi disfarçando e a cada hora trazia seus quadris mais para trás até que finalmente sentiu o primeiro contato.

A mulher pedia ao marido perguntar coisas para a sogra e continuava dando umas quicadinhas no meu volume com aquela bunda maravilhosa e eu ajeitei bem o cacete por dentro da calça que ficou pontiagudo em roçava bem no meiozinho daquele rabão, a mulher por sua vez começava a demorar-se mais pra descolar o rabo do meu cacete e eu estava olhando lá pra fora, fingindo que nada acontecia.

A conversa acabou e o homem continuava a falar com a mulher e ela já estava com o rabo completamente pousado sobre o meu cacete latejando no seu rabo e ela aproveitando o balançar do ônibus, dava reboladinhas que eu podia sentir que eram propositais, então resolvi ir além e com a mão que ficava oculta dos olhos dos outros passageiros, comecei também a passar a mão naquele rabo maravilhoso e pude perceber outro detalhe muito excitante, a gostosa usava uma calcinha minúscula e totalmente socada naquele rabão. Em alguns momentos eu apertei uma de suas nádegas e forçava seus quadris a se movimentarem para o lado simulando uma rebolada mais forte e apertada.

Foi a viagem inteira assim e eu já havia me deliciado bastante daquele rabão e ela certamente poderia dizer que também já havia se aproveitado muito do meu cacete e senti que eles se ajeitavam pra descer. No ponto em que desceram, muitos passageiros desceram também, só que antes dela efetivamente desgrudar de mim, com seu marido já de costas pra ela buscando ângulo para andar e descer do coletivo, ela trouxe uma de suas mãos pra trás e alisou meu cacete por cima da calça, olhou nos meus olhos e falou baixinho “obrigado, gozei muito”.

Desceram do ônibus e eu segui mais uns três pontos à frente. Foi a melhor encoxada da minha vida, pois, esta, não foi provocada por mim!

Já ouvi muitas mulheres dizerem que não suportam esse tipo de situação e outras ao contrário dizem que adoram sentir um homem estranho com tesão esfregar o cacete nelas disfarçadamente como se nada estivesse acontecendo aproveitando lugares apertados como ônibus, metrô, trem, filas, shows, etc.

Gostaria de saber a opinião de você mulher que está lendo este relato, você gosta de ser encoxada? Sim ou não e por quê? Conte-me qual foi a sua melhor encoxada, como e onde aconteceu, etc.

Beijos do Antenista


A foto deste conto não corresponde a narrativa de minha experiência, é meramente ilustrativa, até porque, a última coisa que eu queria naquele momento é me preocupar em fotografar! rsrsrsrs

                                

Foto 1 do Conto erotico: A melhor encoxada da minha vida.


Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Comentários


foto perfil usuario parasuaesposa

parasuaesposa Comentou em 17/11/2015

Eu acho pelas coxadas que já dei, que a maioria gosta. Mas tem que ser uma coisa bem discreta, ai elas deixam.

foto perfil usuario favocommel

favocommel Comentou em 17/11/2015

Gostei muito,...

foto perfil usuario amancio

amancio Comentou em 17/11/2015

a minha esposa sempre levou encoxadas gostosas as vezes pegamos conduções só para ela receber encoxadas eu fico a distancia observando e me deliciando com isso adoro ver ela sendo encoxada

foto perfil usuario spctrum33

spctrum33 Comentou em 17/11/2015

Bom mesmo..Adorei




Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


73971 - O Antenista e a mulher do corno - Parte 1 - Categoria: Traição/Corno - Votos: 11
74278 - O Antenista e a mulher do corno - parte final - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
74330 - Ela é amiga da minha mulher, pois é... pois é... - Categoria: Heterosexual - Votos: 12
74774 - O Antenista, O casal e o Strip Poker - Categoria: Traição/Corno - Votos: 14
74950 - O Antenista e a Empresária Paulista - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
75399 - O Antenista e a Mulher de Sta Rita do Sapucaí - Categoria: Heterosexual - Votos: 6
75921 - O Antenista e a Casada Gostosa! - Categoria: Traição/Corno - Votos: 22
76218 - O Antenista e sua Irmãzinha Casada - Categoria: Incesto - Votos: 16
76243 - O Antenista e a Encoxatriz - Categoria: Fetiches - Votos: 0
79067 - O ANTENISTA E A COROA SAFADA DA CONDUÇÃO - Categoria: Coroas - Votos: 8
84821 - Água e pica não nego a mulher alguma! - Categoria: Incesto - Votos: 14
85124 - O ANTENISTA - Amiga da minha filha, pediu levou e - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
85538 - O Antenista - Inesquecível Vizinha da Melhor Idade - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
87391 - O Anteniasta e a Jovem Transex - Categoria: Heterosexual - Votos: 2

Ficha do conto

Foto Perfil fabiomacae
fabiomacae

Nome do conto:
A melhor encoxada da minha vida.

Codigo do conto:
74267

Categoria:
Traição/Corno

Data da Publicação:
16/11/2015

Quant.de Votos:
7

Quant.de Fotos:
1


Online porn video at mobile phone


videos grates ramyst sexominha prima mipegor batendo umaultimos conto sadocontos de incesto iniciandosexo irmã so faz merda contocontos eeoticos minha familia na praia de.turismodesde novinha minha tia me ensinou a chupar a buceta dela e ela a minhacontos comi irma na viagem pornoconto erotico de caralho do tamanho de um bracocasas dos contos novinha gabi e padrasto HenriqueContos de cdzinhaCONTOSPORNO sapecaContos eroticos mulher gozando no telefoneconto ertico sou juíza mais sou safadaConto erotico. Supositorioporno em quadrinhos familia pervetidaconto erótico coemcei cedocontos eroticos comi meu vizinho novinhoverdade ou desafio ruiva contos erticoscontos com vizinhos coroas pauzudoscontosrdPokémon sexoconto erotico meu filho novinhoconto erotico perfil filho1000Contos eroticos de avo e netaContoeroticoarrombadacontoeroticogozadamulhuer de fio dental peladasQuadrinhoseroticossobrinhasconto erotico com o açougueirocontos eroticos gay dei para motorista do uberfilinhacontoeroticocontos porno de seducao de tiaContos eroticos dei a buceta dentro de um barracome fez chupar seu pinto contosO diário de uma estudante! Parte 2 contos eroticosamamentando o eletricista contoscontos erotico dopei minha sogra e a depileiContos eroticos pegando viuvaSo na siririca contosmasturbacao entre primos gays conto eroticoconto de cunhada peladinha no banheiroContos de vizinhacarente a foder com vizinho putoconto erotico ela riu do meu pau pequeno emeteu o dedo no meu cuquadrinho porno reencontro com colega da escola e sua filhaconto erotico biPosiçoes alucinante para menage masculinoconto gay pai dormindoencanador conto gaywww.fodimeuamigo com brComendo o rabinho da menininha contos eróticosconto erotico gay traficante me comeucontos cdzinha fodida analcunhadoviadoConto minha entiada me taracontos banheiro gayfilho pentelhudo mamando no cacetao do paiContos erótico brigas CasalContos coroa estrupou gordinhoconto erotico pe de fruta com velhosNetinha.contoscdzinha fio dentalconto de mulher casada com duas pica ao mesmo tempo na bucetapai e filhos peladosConto erotico. Supositorioela nao aguento mais pus tudo conto pornoconto erotico minha namorada disse que era virgemcontos eroticos me mastubo brechando minha vizinhaaandando sim pornô da morena bonita gostosa e deu bem gostosinho sobrinhocontoerotico pirralho comedorcontoseroticos cagueinopaudo meufilhoincesto erotico exame medicocasada de vestidinho curto na casa dos vizinhoskasada_japconto erotico fazia tudoque meu tio mandavaContos eróticos enfiando a vara na bucetinha da sobrinha gostosa na cachoeiraleomar1111 fotosContos coroa estrupou gordinhoconto erotico em quadrinho a esposatia e sobrinha acariciando-se, beijam-se, mamam seioscontos eróticos Rennergay brincando com amigo hetero contos eroticosbuceta aberta em tambabaconto ervangelico incesto comi minha filhaagradecer cheirando a calcinha da enteada se masturbandocontos eroticos de incestos com padrasto cacetudossexo mulher chupa cu de homemconto erótico meu primo tem um pau enormecontos eroticos meu tio comeu minha esposaconto erotico com novinha