Bolinada pelo tio



Era muito menina ainda... Sempre a mais baixinha e magrinha da classe. Meus peitinhos já começavam a crescer redondinhos e eram extremamente sensíveis. Não tinha pêlos ainda, e minha xaninha era bem gordinha. Quando colocava alguma calça mais apertada ela ficava saliente.
Minha tia era casada com um homem negro, bonito e sarado. Adorava passear com ele, pois como era forte, me carregava o tempo todo. Já percebia que sempre que tinha oportunidade, passava a mão na minha bunda, nos meus peitos... sempre como se fosse um descuido. Sempre olhava pra minha xaninha por um longo tempo. Gostava de brincar de aviãozinho, me segurando pelo peito e entre minhas pernas. Sentia sua mão na minha xaninha. Mas só percebi que era intencional depois do dia que vou contar abaixo.
Precisei dormir um dia na casa deles, pois minha mãe tinha um exame muito cedo no dia seguinte.
Minha tia saia cedo para trabalhar e ele só ia depois do almoço.
Estava de camisola, tomando café. Conversávamos e ele me falava o quanto me achava bonita, que estava me tornando uma moça muito bonita.... Quando ele me pediu para ver minha bucetinha.... Quando eu era mais nova, me lembro dele na piscinha, me segurando. Um outro dia me ajudou a tomar banho e lembro de ter lavado minha xoxotinha por tanto tempo que fiquei ardendo depois.
Seu pedido me deixou toda molhadinha e mesmo envergonhada, levantei minha camisola mostrando a calcinha. Ele puxou minha calcinha de lado deixando minha bucetinha peladinha à mostra. Ele me olhava, comendo com os olhos, gemendo. Podia ver seu pinto crescendo na calça. Com o dedo começou a me acariciar. Me puxou para eu sentar no seu colo. Sentia seu pinto duro na minha bunda. Fechando as pernas dele, deixou as minhas abertas para que pudesse me bolinar.
Estava confusa, nunca tinham me segurado daquele jeito, muito menos colocado a mão em mim daquele jeito.
Tirou minha calcinha e devagarinho começou a passar o dedo que tinha molhado com saliva, no meu grelinho. Sentia um calor e minha bucetinha piscava de tesão. A outra mão dele, acaricia meus peitinhos que já eram redondinhos e muito sensíveis.
Não conseguia fechar as pernas e ele se aproveitou para me fuçar como queria.... molhava seus dedos na porta da minha buceta molhada e esfregava no grelinho que já estava durinho. Ficava gemendo no meu ouvido e lambendo ele, dizia: gostosa do tio.... relaxa que hoje vou fazer você gozar na minha língua! Eu não sabia o que ele queria dizer, mas aquilo tudo me deixava confusa. Sempre aprendi com minha mãe que não era para deixar ninguém me tocar nas partes íntimas. Achava que era ruim, errado, pecado.... e agora só conseguia gostar de tudo aquilo e querer mais....
Ele me fazia rebolar no seu pinto e minha bunda esfregava nele gostoso....
Já estava toda melada de tesão quando ele tirou a calça e acabou de tirar minha camisola. Eu não conseguia reagir. Estava dominada por ele.
Como eu era pequenininha, me carregou até a sua cama.
Vi aquele pinto negro enorme. Fiquei muito assustada e ele falava: não se assuste, não vou fazer nada que você não queira. O tio só quer seu bem, fazer você feliz.
Chupou meu peitinho que cabiam inteiros na sua boca. Com a outra mão acaricia o bico do outro seio. Fiquei com os peitos bicudos de tanto que ele chupou.
Muito safado, me beijou de língua. Nunca tinha beijado daquele jeito. Ele ensinava dizendo: deixa a língua solta e só faz o que o tio fizer. Me abraçava apertado, segurando meu corpinho grudado no dele.
Depois de um tempo disse: agora o tio vai te ensinar a felicidade.
Desceu beijando e lambendo meu corpo. Caiu de boca no meu grelinho, me chupava como quem chupa uma manga. Enfiava a língua na minha buceta e não sabia se gemia ou chorava. Eu tremia de tesão e medo.
Começou a esfregar e chupar meu grelinho, enquanto passava o dedo na entrada da minha xoxotinha. Fui sentindo um formigamento no meu corpo e tive meu primeiro orgasmo que durou um tempão.
Quando terminou, safado ele disse: agora é a vez de você fazer o tio feliz. Chupa o caralho do tio....
Sem pensar, peguei aquele pintão e ele segurando a minha cabeça fazia um movimento de vai e vem. Quase passava na minha garganta o que me dava ânsia. Mas ele sabia meu limite. Pediu: chupa a cabecinha dele, sobrinha.... passa a linguinha nele, que ele gosta.... obedecia meu tio e ele segurando e batendo uma punheta ao mesmo tempo, gemia feito um louco. Quando falou: agora o tio vai te dar leitinho.... o primeiro da sua vida. Engole tudo que é gostoso.... e enfiando o pinto na minha boca gozou feito um maluco. Gemia alto: isso!!! Gostosa!!! Putinha do tio!!!!
Depois disso, ficamos abraçados por um tempo. Logo levantou-se e me chamou pro banho.
Mas essa é outra estória....

Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Comentários


foto perfil usuario superativo

superativo Comentou em 06/12/2016

Adorei todos os seus contos. Queria ser seu tio tbm.

foto perfil usuario nayarah

nayarah Comentou em 12/11/2016

Nossa que delicia......

foto perfil usuario espadachim

espadachim Comentou em 08/11/2016

Votado ! Uma delícia de conto...Parabéns!

foto perfil usuario ricsafadao

ricsafadao Comentou em 07/11/2016

delicia de sobrinha, adorei muito tesão!!!!

foto perfil usuario anjo discreto

anjo discreto Comentou em 06/11/2016

Delicia

foto perfil usuario voyspmen

voyspmen Comentou em 06/11/2016

votei, adorei o relato, como eu queria ter uma sobrinha, ia ensinar tudo a ela, q acho q teu tio fez, conta,vou esperar ancioso, bjs misteriosa, seu não diz nada sobre vc, gostaria de conhece-la, bjs




Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


91932 - Meu tio arregaçou meu cuzinho - Categoria: Incesto - Votos: 19
91935 - Meu padrinho me arregaçou - Categoria: Virgens - Votos: 15
126510 - Dando para um estranho - Categoria: Heterosexual - Votos: 14

Ficha do conto

Foto Perfil Conto Erotico srtaweb

Nome do conto:
Bolinada pelo tio

Codigo do conto:
91467

Categoria:
Incesto

Data da Publicação:
05/11/2016

Quant.de Votos:
18

Quant.de Fotos:
0


Online porn video at mobile phone


hentai gay quadrinhopresente de aniversário de namoro corno contoanimacao bucetaconto erotico gay bundodoContos e foTos de calcinhas gozadas meladas mae filho filhasexo posiçaoae e papaimae puta conto eroticofotos da minha esposa cavalona puta querendo provocarContos monica putinha da ruavizinha louca por sexofamilia favela hq porno album onlyneContos com fotos de gozadas nas calcinhas das sograscontos erótico pai ficou muito bravo ao saber que seu filho é gayúltimos contos de incestoMadrasta e antiado sex foto quadradinhosconto gay meus sobrinhos ativoscontos eroticos com lixeirosadoro trepar com meu paifotos de heteros com o pau durocontos eroticos lesbícoContos erotocos na minha infancia no meu cuzinhoflavia mostra calsinha coladanora branquelinha dando para o sogro pauzudoxxvideo enviando abraço na buceta conto erótico qdo ela chupou várias bucetinhas sexo cacamulata contos eroticosContos erotico mulher puta e corno trouxacontos:pênis do meu filho endurececonto eroticos vizinha teencoto erotismo historia tarada pelo velho roludovideos porno de casa de suingrs de santa felicidade curitibaela engoletodo pau e aparece na gargantacontos eróticos fiquei inchadacontos bucetinha linda da vizinha polacaconto erotico estuprando a amante da mulher violenciafotos incesto pauzudosquadrinhos brasilSenti a buceta inchada conto eroticocontosesposa pervertida fktoconto meu amor por cachorrosFoda na mae dopada contosdesenho de padrasto pirocudo espiando a enteada dormindo comeucontos gay arrombado pelo paicontos eroticos fazendo sexo com o vigiacontos com fotos esposas loba de cornotio iniciando gay contos eroticos gayContos eróticos de orgias tripla penetraçao com os negaosConto arrombadacaminhoneiro fudendoAs Aventuras Eróticas de Lia 11amor quero pau maior contoquadrinho gay porno amigosseu jose conto eroticocontos pornocontos eróticos meu grelo enorme fotos de sexo com jaquelinefui estuprado por um pedreiro pirocudo gaycontos eróticos lesbicos top categorias doce Helenacontos/comi a mae e tirei o cabaco da filhaconto peituda se assanhando pro molequehq de sexoengravidando a loiraEu era empregada meu patrao coroa rico ele me dava dinheiro sem sua esposa saber meu patrao ele fudeu minha buceta virgem ele agora ele me dar mais dinheiro conto eroticosedutoras e marrentas parte dozecontos pais e fikhos durubacontos eroticos anal pinto grande minha mulher e sobrinhaConto erótico putinha da famíliacontos eróticos estúpros entre pais e filhosecontos porno gratis estupro submissãocantos erotico fui etrupada pelo meu tioexxvidio do velho portugues com sua netacontos eroticos meu primo doente mental comeu minha bucetaconto erotico apostei fiplha pequenaconto erotico no caminhao gayporno.com gostosa casada deixa seu corno fazer uma surpresa no jantar com o pausado[email protected]fudendo um cu dormindo no dentistaTia de calça leg conto eroticocontos eroticos sexo oral vaginalbaixar hq erótico a ninfeta da pensão 3MULHERES GOZANDO COM FORTES MODISCADAS NA ROLA DO CARA DE MUITO TESAOsafadezas no pique esconde conto eroticoMeus Amigos fuderam minha esposa no vestiarioconto erotico minha buceta e pequena e aperta mais aguento 30 cetimetroconto erotico borracheiroxvidio homo com a sogracontos gay adoro rebolar na picahq porno interracialquadrinhos eroticos corno bicontos eroticos 2017 na rua com travesti negracontos eroticos gay de dando uma mamada no moleque moreninho clarosexo signos zona eroticadando pro meu padrinho contos eróticoscontos eroticos de maes e filhosminha mae sábia sexo expricito contos